Cirurgia Oral

Home / Cirurgia Oral

Cirurgia Oral

Especialidade da Medicina Dentária que se dedica ao diagnóstico, e ao tratamento cirúrgico de doenças, lesões, e anomalias dos dentes, da boca, dos maxilares e estruturas anexas.

Marcar Consulta

O campo de atuação da cirurgia oral é bastante amplo como por exemplo: exodontias simples, exodontias de dentes inclusos ( encontram-se dentro do osso), exodontias de dentes supranumerários ( dentes a mais), apicetomia, remoção de quistos, cirurgia pré operatória, cirurgia de lesões infecciosas, e traumatologia.

Não, existe regra geral para a decisão. Os diferentes critérios devem ser ponderados em cada situação clínica. Fale com o seu Médico Dentista.

  • Descansar, dormir com a cabeça mais elevada ( por exemplo: 2 almofadas), e deitar-se sobre o lado não intervencionado;
  • Escovar os dentes e a língua normalmente;
  • Na zona operatória deve-se escovar com cuidado e usar uma escova de dureza macia após as primeiras 24horas;
  • Evite fumar, principalmente durante as primeiras 24 horas;
  • Tomar a medicação prescrita até ao final.

Não, existe regra geral para a decisão. Os diferentes critérios devem ser ponderados em cada situação clínica. Fale com o seu Médico Dentista.

Descansar e dormir com a cabeça mais elevada (por exemplo: 2 almofadas) e deitar-se sobre o lado não intervencionado.

Escovar os dentes normalmente os dentes e a língua.

Na zona operatória deve-se escovar com cuidado e usar uma escova de dureza macia após as primeiras 24horas.

Evite fumar, principalmente durante as primeiras 24 horas.

Tomar a medicação prescrita até ao final.

Nas primeiras 24 horas é normal sentir um ligeiro sangramento. Mas se esse sangramento/ hemorragia for mais intenso deverá dobrar uma ou mais compressas de gaze esterilizadas, e colocar sobre a zona sangrante, e comprimir com os dentes opostos até controlar a hemorragia. Se precisar de colocar mais compressas não retire a já colocou. Coloca uma por cima da outra. Aplique , e evite deitar-se.

Se a hemorragia persistir contate o seu médico dentista.

Na medicina dentária, nas últimas décadas houve grandes revoluções, minimizando a dor durante o ato cirúrgico e pós operatório. Todos os procedimentos cirúrgicos em si são traumáticos mas podem ser minimizados. A preparação do ato cirúrgico começa na obtenção da história clínica, diagnóstico, e planificação adequada da intervenção. Através aplicação de uma técnica anestésica adequada, de uma técnica cirúrgica atraumática (sem trauma), e uma terapêutica pós operatória eficaz vão-lhe permitir um elevado conforto durante e após o ato cirúrgico, sem qualquer dor.

Se o procedimento for realizado sob anestesia geral, deverá evitar um período longo de jejum na hora da cirurgia. Só no caso de ser submetido a anestesia geral é que deverá estar em jejum várias horas antes da cirurgia. O seu médico dentista dar-lhe-a todas as indicações necessárias.

O cuidados pós operatórios são cruciais para a minimização das sequelas decorrentes do ato operatório, e favorecer uma boa cicatrização.

Cuidado a ter:

  • Aplicar gelo na zona operada durante as primeiras 24 horas, em períodos alternados de cinco a dez minutos. O gelo deverá ser colocado num saco de plástico e envolvido num pano para evitar queimaduras na face. Em alternativa ao gelo poderá usar bolsas de gel para crioterapia.
  • Evitar a exposição ao sol, comer alimentos quentes e duros, e fazer esforços físicos até á remoção de sutura.
  • A dieta deverá ser mole ou líquida e fria nas primeiras 24 a 48 horas ( gelados, iogurtes, sumos, batidos, gelatina, etc).